Peguei um trecho do livro A Tríade do Tempo, que faz uma boa definição sobre esse conceito de “administração do tempo” x “administração pessoal” que muita gente me pergunta. Caso deseje maiores informações sobre um curso de administração de tempo com base na metodologia Tríade, acesse: http://www.triadps.com/novo/curso_adminstracao_do_tempo.aspx


Você gostaria de gerenciar melhor seu tempo? De ter tempo para tudo aquilo que deseja e precisa fazer? De reduzir seu estresse? De fazer mais esportes, ter mais amigos e mais realizações? Todos queremos. Já se tornou comum no mundo inteiro as pessoas reclamarem da falta de tempo, de estarem sempre estressadas e atrasadas. Por isso o tema de administração de tempo atrai tantas atenções. A parte mais difícil para qualquer metodologia que se proponha a encarar esse problema é transformar a teoria em prática. Ou seja, fazer do tempo um recurso realmente administrável, capaz de proporcionar mais felicidade, saúde, lazer e dinheiro. Será que é possível administrar o tempo?Existe um exercício excelente para quem gostaria de administrar o tempo. Vamos experimentar? Olhe para seu relógio. Que horas são? Agora cruze os dedos da mão direita e os dedos do pé esquerdo. Bata 3 vezes com o pé direito no chão. Olhe novamente para o seu relógio. Que horas são agora? A hora atual é igual a primeira hora que você olhou para o relógio (incluindo minutos e segundos)? Claro que não! O tempo não pára! Não podemos administrar o tempo!

 

godclock.jpg

O único ser capaz de controlar o tempo, até onde eu sei, é Deus! Para todos os demais, o tempo não pára e anda sempre à razão de sessenta segundos por minuto, sessenta minutos por hora, 24 horas por dia.Por isso não gosto de usar o termo administração de tempo. Não posso ensinar ninguém a administrar o que não pode ser alterado. A única coisa possível de se administrar são as ações e os eventos que acontecem no tempo — reuniões e outras tarefas profissionais, festas, viagens, lazer, paixões, leituras e uma série de outras situações e tarefas. Lembre-se: todos têm a mesma quantidade de tempo para usar. Ele é igual para mim, para você e para qualquer pessoa no mundo. Por isso prefiro trocar o termo administração do tempo por administração pessoal, porque você pode controlar a si mesmo, certo?

 

Administração pessoal é algo mais complexo que uma série de dicas, listas de tarefas, agendas, pastas, cadernos e softwares. Não somos uma sociedade de robôs. Vivemos em busca de algo mais: de um sonho, de um objetivo, uma paixão, uma visão, um ideal. Administração pessoal é viver de forma a conseguir realizar esse “algo a mais”, e para isso precisamos ter tempo.

A administração pessoal que apresento neste livro é um processo de cinco fases, que irá requerer a mudança de alguns hábitos pessoais e o uso de novas ferramentas. O objetivo inicial é reduzir seu nível de estresse, tornar você o próprio autor da história da sua vida e ajudar no seu equilíbrio pessoal e profissional. Ao longo do processo você poderá notar que a sua Tríade ficará cada vez mais próxima da ideal. Não é um caminho fácil, mas o resultado será muito gratificante. Um processo que ensina, entre outras lições, o valor da hora presente.

“Uma das ilusões da vida é a de que a hora presente não é a mais crítica, a decisiva. Escreva em seu coração que cada dia é o melhor dia do ano.” (Ralph W. Emerson)

Pessoalmente, quando comecei a desenvolver e aplicar este processo, a partir do aperfeiçoamento de diversos outros, minha vida começou a mudar. Hoje consigo desenvolver diversas funções e projetos com mais tranqüilidade, equilíbrio e sem estresse. Administração pessoal não significa controlar cada aspecto de sua vida. Não exige sua transformação em uma máquina, sem flexibilidade nem autonomia. Significa assumir o compromisso de ser feliz com você mesmo, de assumir o controle, de viver seus sonhos com base no que você deseja, de fazer a diferença em sua vida.