Dificuldades na minha gestão do tempo

Ontem reparei que o Fabrício Ferrari de Campos postou no Facebook uma pergunta para minha participação no Man in The Arena que não foi respondida:

Gostaria de saber quais são as dificuldades, que o maior especialista em gestão do tempo no Brasil, enfrenta para gerẽncia o seu próprio tempo?

Fabrício, em primeiro lugar é bom afirmar que não há perfeição. Eu também tenho atrasos, urgências e procrastino. A diferença é que aprendi a gerenciar meu tempo de forma que isso não me prejudique e que eu avance a cada dia.

Atualmente eu me programo para trabalhar 10h/dia e para isso planejo aproximadamente 7hs/dia na tarde do domingo. Esse é o meu limite, se eu colocar 7h30 no dia, vou deixar coisas incompletas. Como todos, também estou sujeito a urgências, que em geral são solicitações de entrevistas ou artigos, que costumam a surgir de 8 a 11 vezes por semana ou demandas de clientes. Internante são poucas vezes que a equipe gera alguma urgência. Esse tempo livre não planejado ajuda a não complicar isso. time-control

Outro desafio é a pontualidade, sou extremamente cobrado por isso. Ultimamente tenho calculado mal a distância x trânsito em SP, então tenho colocado uma folga de 30 minutos na agenda para evitar problemas (se mesmo assim atrasar a solução é não estressar e relaxar).

Os e-mails também tem aumentando dia-a-dia de quantidade, a cada dia isso tem tomado mais tempo. Com a equipe estou usando cada vez mais Chat e Neotriad para mandar e responder tarefas. Para os leitores, estou sendo mais objetivo e quando possível uso links complementares para agilizar a resposta. Além disso, eu tenho horários para ver o e-mail (em geral 4x dia) e quando estou em curso o dia todo, eu só vou responder quando retornar ao escritório, porque realmente fico cansado. Se for urgente de verdade a pessoa vai me ligar.

E o último desafio que eu vivo é lidar com o volume de reuniões. Eu tenho sido cada vez mais criterioso com minha agenda. Reservei as segundas e sextas para dias sem reuniões e nos outros dias, quando necessário junto várias no mesmo período e local. Eu tenho preferido cada vez mais reuniões via Skype ou GotoMeeting ao invés de reuniões presenciais. Todo mundo ganha tempo e dinheiro.

Uma segunda pergunta: o que o Christian acha da educação que recebemos na infância e adolescência…quanto a gestão do tempo?

Inexistente. Nossas escolas não preparam crianças para serem adultos com tempo, muito pelo contrário. Pais, professores e nossa cultura criam crianças urgentes. Tudo fica para última hora. Essa pergunta é bem ampla, vou preparar um post específico sobre isso.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 339 outros seguidores