Quando o Grátis sai Caro…

Gravei esse vídeo para falar sobre aqueles momentos em que nossa agenda está lotada de coisas que não deveríamos aceitar.

Lotar a agenda com convites quaisquer é matar seu tempo. Veja minha opinião sobre isso e compartilhe no seu Facebook, Linkedin, etc. se achar que pode ser uma indireta para algum amigo folgado..

 

 

Caso o vídeo não funcione, segue o link: https://www.youtube.com/watch?v=83Y4KAnQ7qM&feature=youtu.be

O futuro das reuniões

Falar que as reuniões estão matando a produtividade corporativa não é novidade para ninguém. Em diversas pesquisas que já publicamos na Triad PS e no livro que escrevi sobre esse assunto divulguei dados bem alarmantes, como o que mostra que 2/3 das reuniões que as pessoas participam não tem resultado efetivo.

Eu sou um crítico ao modelo de reuniões que as empresas estão adotando. É reunião por qualquer coisa, a qualquer hora e com quem estiver disponível. Falta decisão, próximos passos e foco no assunto proposto. Não sou contra reuniões, muito pelo contrário, sou a favor de adotar método para reuniões que tragam resultados de fato.

No fundo, o pessoal curte fazer uma reunião. Tem gente que tá com preguiça de trabalhar e olha ao redor se não tem nenhuma reunião acontecendo para se enfiar por lá. Tem líder que convoca reunião para mostrar o novo corte de cabelo ou equipes que fazem reunião semanal e nem mais lembram direito o porquê. Com certeza você conhece exemplos assim.

Muito se fala sobre tecnologia para apoiar a execução de reuniões. Sem dúvida, ajuda muito. Só o fato de você evitar deslocamentos e alocação de salas já economiza muito dinheiro. Semana retrasada, passei alguns dias na sede da Cisco em San José, EUA. A Cisco é líder mundial em hardware e software para reuniões online. Tive a oportunidade de ver os lançamentos, visualizar protótipos, compartilhar experiências e indicadores. Sem dúvida o futuro das reuniões é promissor.

clip_image002clip_image004

Eu tirei as fotos acima em uma demonstração do que eles chamam de tele presença imersiva, no qual o funcionário da Cisco de Shangai aparecia em diversos monitores (compondo uma única tela) de corpo inteiro, dando a sensação de estar ao seu lado na sala. A mesma tecnologia permite o compartilhamento de slides e anotações em um quadro branco na tela ou no mobile. O uso desse tipo de tecnologia permitirá por exemplo, sessões de brainstorm e treinamentos com equipes em qualquer lugar do mundo.

Será que com esse tipo de tecnologia venceremos aquela frase típica de que “prefiro olho a olho ao invés da câmera?”. Sem dúvida os passos foram dados para vencer diversos preconceitos e tabus, mas de nada adianta tecnologia sem metodologia.

Sem o correto planejamento, condução e acompanhamento as reuniões sejam presenciais ou virtuais não geram os resultados. O segredo para mudar as reuniões no seu ambiente de trabalho é uma tríade de fatores: tecnologia, metodologia e pessoas. E acho que serão necessárias algumas reuniões para isso acontecer.

Como planejar seu próximo semestre para ter mais produtividade.

Chegamos praticamente na metade do ano mais curto dos últimos anos, não apenas pela quantidade efetiva de dias úteis, mas também pela sensação de feriado que vamos ter em vários momentos com os vários eventos ao longo do ano.

turbo

Você vai reparar que aquela sensação de que o tempo está passando mais rápido é ainda mais apropriada nesse ano. Já estamos na metade do ano, como foi seu primeiro semestre? Quanto realizou? O que fez realmente de importante?

Esse é o melhor momento para fazer uma avaliação do que passou e do que virá. No método Triad eu divulgo a importância do planejamento anual, que na verdade de tão importante, eu adotei como semestral. Faço sempre no final do ano e no dia 26/6. Isso me dá a exata noção do que eu defini, do que eu fiz, do que não rolou e do que ainda farei.

Eu preparei um vídeo sobre planejamento anual que você pode aprender o passo a passo para executar esse plano, clique aqui para ver no meu canal no Youtube, aproveite a passagem por lá e já se inscreve para receber em primeira mão os próximos vídeos.

O tempo não está acelerado, o tempo não está correndo. Você que ligou as turbinas e está em uma velocidade diferente. Nada contra aceleração, mas uma hora a gasolina acaba e se não tiver na estrada certa, parar no deserto não deve ter muita graça, não é? A vida é curta demais, use seu tempo construindo coisas que tenham importância!

Não deixe para depois, acessa o vídeo e mãos à obra para colocar seu tempo na velocidade e na estrada certa.

Até a próxima,

Christian

Você é um ladrão de tempo?

Overachievers-Steal

Algumas pessoas não percebem, mas tempo é a coisa mais importante que podemos dar pra alguém. Tempo cria tudo! Você gostaria de ter mais tempo com aquele professor fantástico que fez você ver uma realidade diferente. Você queria ter mais tempo para viver aquela paixão. Você queria ter mais tempo para fazer dinheiro. Você queria ter mais tempo com aquele familiar que já se foi. Você queria dar mais tempo para você mesmo.

Com isso fica a pergunta: que direito temos de roubar o tempo do outro? Quem nos deu o poder de tirar o direito do outro de ter tempo?

Isso vale para os líderes que insistem em fazer reuniões intermináveis com suas equipes para falar o que todos já sabem e não chegarem a nenhuma decisão.

Isso vale para o cara da equipe que deixa tudo para última hora, gera urgência e rouba o tempo da academia do coitado que vai resolver a urgência.

Isso vale para o cara que não diz para a menina nem sim, nem não e deixa ela esperando uma eternidade por ele.

Isso vale para você mesmo, que rouba seu tempo com coisas desnecessárias, deixando as coisas realmente importantes de lado.

Não seja um ladrão do tempo alheio. Não colabore para esse cenário. Seja criterioso ao usar o tempo de alguém:

  • Antes de agendar a reunião, veja se é realmente essencial, se não há outra forma de solução. Se realmente for necessária, seja objetivo, seletivo com os participantes e tente manter o tempo de duração abaixo dos 50 minutos.
  • Planeje melhor duas atividades pensando em antecipar as coisas para não prejudicar o tempo de ninguém
  • Tome decisões. Fáceis, difíceis ou complicadas! Decidir liberta, só requer um pouco de coragem.

Reflita sobre isso. Compartilhe com seus colegas. Afinal, quanto mais pessoas entenderem a mensagem, mais tempo teremos, não é verdade?

Coworking funciona para todo mundo?

Nos últimos anos, começaram a pipocar espaços de coworking, um modelo de trabalho onde você compartilha recursos entre diversas empresas em um mesmo espaço, com tipos de pagamento extremamente flexíveis. Startups, empreendedores solo e pequenas empresas estão entre os principais clientes desse padrão de escritório. Existem diversas vantagens nessa fórmula adotada, como: preço, agilidade e o networking criado entre pessoas de diferentes áreas e segmentos.

As vantagens parecem sedutoras, mas as desvantagens também são grandes. Eu já tinha ouvido de diversos amigos e empresários que usam coworking o lado positivo e o negativo, mas em minha última viagem, eu experimentei por alguns dias trabalhar neste formato.

coworking_space

Minha opinião é que, simplesmente, é improdutivo. Um ambiente de coworking, teoricamente, “estimula a colaboração”, porém no fundo o que acontece é o estímulo a interrupção. Acho que estimula pessoas improdutivas a estragarem a produtividade daquelas que são produtivas, com interrupções constantes, brincadeiras e distrações de toda a espécie.

Imagine que você é uma pequena empresa, com dois funcionários e está tentando desenvolver seu negócio. Como você cria uma cultura em um ambiente com múltiplas culturas interagindo? Como você consegue manter o foco do time se de repente um grupo de outra empresa levanta e começa a comemorar uma venda? Como reter talentos em um lugar onde você tem uma feira de empregos ao redor? Como ser produtivo com tantas coisas acontecendo?

Conversando com as pessoas que partilhavam daquele local perguntei sobre seus projetos e como andavam os prazos. Todos que falei, sem exceção, estavam atrasados em relação ao cronograma ou tendo que trabalhar longas horas para fazer acontecer.

Claro que sempre tem como comprar um headphone com isolamento acústico, mas acho que isso todo dia acaba cansando. Eu nunca teria uma empresa em um espaço de coworking, simplesmente não condiz com minhas crenças.

Em um escritório aberto é difícil de manter a concentração, imagina em um escritório aberto com pessoas de diferentes objetivos, estratégias, modelos mentais, culturas, etc. Não é fácil, precisa além de gostar desse tipo de interação, ter a capacidade de funcionar em ambientes assim. Claro que tem muita gente que funciona bem, mas com certeza está longe de ser a maioria.

Foco é a moeda mais valiosa hoje em dia, quem consegue manter seu foco, faz mais com menos. É trabalhar de forma mais inteligente e não com mais esforço. Não é porque você usa um escritório privativo para sua empresa, que você não vai inovar, co criar ou ter ideias diferentes. Inovação não vem apenas do ambiente, está em todos os lugares.

O próprio conceito de escritórios abertos que já vem de algumas décadas. Em diversas pesquisas já se provou que ele não estimula tanto a comunicação como achavam que ia acontecer, além de piorar o estresse e a produtividade corporativa. Tanto que hoje está na moda, dentro das empresas, as salas de concentração. Será uma volta ao passado ou apenas uma constatação do óbvio?

E você, já trabalhou em coworking? Sofre com distrações em espaços abertos? Vamos continuar essa conversa no blog.

Até a próxima!

Qual sua visão sobre escritórios abertos e coworking?

coworking_space

Você trabalha em um escritório aberto? Utiliza algum espaço de coworking?

Como é sua produtividade nesse ambiente? Muitas interrupções? Barulho? Você tem alguma reclamação ou elogios?

O futuro da produtividade está no seu corpo. Android Wear

clip_image002

Há alguns anos atrás começaram a surgir os “dispositivos de vestir”, como a pulseira da Nike, os controladores de corridas que ficam no tênis (não sei o nome), Google glass, balanças que sincronizam seus dados para seu celular e por ai vai.

Parece que a tendência veio para ficar e isso vai mudar radicalmente a forma como você lida com sua produtividade. Ano passado as pulseiras que monitoram seus passos, calorias gastas, qualidade do sono e até pressão começaram a tomar conta das prateleiras de lojas como a Best Buy e supermercados nos EUA. Não é difícil de ir em uma Starbucks e reparar que em cada 10 pessoas, uma tem algum tipo de pulseira. E em cidades como San Francisco, o número de usuários é quase o triplo.

No mês passado, vi no evento Launch, em San Francisco, a apresentação da OMSignal (http://www.youtube.com/watch?v=hMiOmJHXyC4#t=72) que criou roupas que tem uma série de sensores, capazes de captar temperatura, pressão, problemas de saúde, etc. Algo realmente presente nos melhores filmes de ficção científica.

A onda agora são os smartwatches, que nada mais são do que relógios que funcionam como um smartphone, sendo capazes de ler e-mails, avisar de reuniões, checar temperatura do local, atender ligações, atualizar e ver seu Facebook, etc.

Hoje o Google apresentou o Android Wear (https://www.youtube.com/watch?v=QrqZl2QIz0c) , que será o sistema operacional Android para dispositivos “de vestir”. Vários fabricantes já estão correndo para lançar dispositivos ainda este ano com a novidade. Eu queria muito um smartwatch, quase comprei o da Sony (http://www.youtube.com/watch?v=Vv02G7tSdNk) que para mim pareceu ser o mais legal, porém com tantas novidades chegando em poucos meses, seria sair de cara atrasado, então vou esperar para ver o que acontece.

Muita coisa legal vai ser lançada nessa área e isso vai mudar muito nossa produtividade. Conseguir antecipar ações, ajudar a tomar melhores decisões, integrar meios e ainda dizer se você está cansado e não vai mais conseguir terminar aquela tarefa, pode realmente mudar nosso conceito do que é ser produtivo. São dados, ligados ao seu corpo, gerando mais informações. Estou bastante confiante nessas tecnologias, agora é esperar para ver.

ps: Por enquanto, muito infelizmente, a Microsoft ainda não deu sinais de quando vai lançar o Surface Watch..

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 358 outros seguidores